PREFEITURA DE CRUZ DAS ALMAS DEVE ASSUMIR SANTA CASA CASO APMI NÃO APRESENTE SOLUÇÕES.

Prefeito Dr. Jean em discursos na Câmara de Vereadores. Foto: ASCOM
O prefeito Dr. Jean disse em audiência pública sobre situação da Santa Casa de Misericórdia, que aconteceu na noite desta terça-feira (15), na Câmara de Vereadores, que assume a administração do Hospital Nossa Senhora do Bom Sucesso.

Mesmo com todos os problemas vivenciados pela instituição, de aspecto estrutural, administrativo e financeiro, o prefeito afirmou que não será omisso e se empenhará para resolver os impasses e revitalizar o hospital, oferecendo à população uma Santa Casa digna e com qualidade no funcionamento, para que os filhos dos cruzalmenses voltem a nascer no município. A audiência pública reuniu para um debate o secretário Municipal de Saúde, André Eloy, e o presidente da APMI (Associação de Proteção à Maternidade e a Infância de Castro Alves), Luiz Hilarião, que é o atual gerenciador da Santa Casa. As duas partes apresentaram argumentos indicativos de suas responsabilidades com os serviços oferecidos no hospital. De acordo com as informações do secretário, André Eloy, a prefeitura repassou no ano de 2013 um total de R$ 4.004.376,97. “Não devemos nada a APMI referente aos repasses da Santa Casa, estamos em dia com as nossas responsabilidades, a gestão municipal nunca deixou de cumprir com suas obrigações, em contrapartida a Instituição não tem apresentado produtividade, ou seja, o serviço não está funcionando corretamente”, ressaltou Eloy.

O presidente da APMI alegou ter poucos recursos para gerir a Santa Casa e admitiu que não está conseguido atingir as metas de produção estabelecidas no contrato. “Admito não está atingindo as metas conforme contrato. Estamos enfrentando dificuldades, um exemplo, são as máquinas de raio x, elas estão quebradas, sucateadas e nós não temos condições de comparar novos equipamentos, logo não vamos conseguir atingir a produtividade deste serviço”, afirmou Hilarião.  Vereadores das duas bancadas, oposição e situação, fizeram vários questionamentos que foram respondidos pelo secretário de saúde e também pelo presidente da APMI. Ao final, representantes do Conselho de Saúde apresentaram um relatório, após ter iniciado uma auditoria na Santa Casa, além de mostrar fotos do estado lamentável que se encontra o hospital, com equipamentos oxidados, estrutura física deteriorada, com mofo e infiltrações, além de uma grande quantidade de lixo armazenado no local.

O prefeito Dr. Jean ressaltou que são necessárias providências urgentes, e deu o prazo até o final do mês de maio para que a APMI apresentasse uma solução para o problema caso isso não ocorra a partir do dia 01 de junho, a prefeitura deve assumir o hospital. “Estou dando um prazo até o final do mês para que alguma solução seja tomada, caso isso não ocorra vamos assumir a Santa Casa, o que não pode é ficar do jeito que está”. O prefeito e o secretário de Saúde, disseram ainda que ao assumirem a Santa Casa garantem dar o mesmo nível de qualidade de atendimento que tem na UPA e também no Hospital Municipal. (ASCOM)
Compartilhar no Google Plus

Por: Fala Recôncavo!

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

O PORTAL FALA RECÔNCAVO NÃO SE RESPONSABILIZA POR OPINIÕES EMITIDAS POR TERCEIROS NESTE ESPAÇO, MAS INFORMA QUE COMENTÁRIOS OFENSIVOS QUE EXPONHA PESSOAS,ENTIDADES OU EMPRESAS SERÃO EXCLUÍDOS

* OS COMENTÁRIOS NÃO REFLETEM A OPINIÃO DESTE BLOG,OS MESMOS DEVERÃO SER IDENTIFICADOS PARA SEREM ACEITOS, SEJA QUAL FOR O SEU TEOR.