Bactéria H. Pylori se não for tratada pode levar à gastrite ou até câncer no estômago.


H. Pylori, ou Helicobacter Pylori, é uma bactéria presente no estômago de milhões de pessoas em todo o mundo, que se não for tratada pode levar à gastrite ou até mesmo ao câncer no estômago. As paredes internas do estômago contam com uma espécie de barreira natural que faz com que o ácido gástrico não as atinja, nem as destrua. 

O que a H. Pylori faz é destruir essa barreira natural, deixando as paredes do estômago expostas ao ácido gástrico. Com o tempo, isso causa uma lesão, ou seja, uma úlcera que posteriormente pode se transformar num câncer. É importante lembrar que nem todas as pessoas que possuem a H. Pylori irão desenvolver o câncer gástrico. Mas, sabe-se que todas as pessoas que sofrem com o câncer no estômago possuem essa bactéria. Os sintomas relacionados à presença da H.Pylori no estômago ou duodeno são: Dor no estômago; Sensação de queimação no estômago; Falta de apetite; Enjoo; Vômito; Fezes com sangue e consequente anemia. Para confirmar a presença de H. pylori no estômago, deve-se fazer uma endoscopia que inclua o teste da urease. 

A transmissão da H. Pylori ainda não foi totalmente esclarecida. Existe comprovação científica de que ela pode ser transmitida através do consumo de água e de alimentos contaminados, e através do contato oral/fecal. Entretanto, como é comum encontrar vários membros da mesma família contaminados com esta bactéria, sugere-se que ela também seja transmitida pela saliva e pelas placas bacterianas da boca, embora isto ainda careça de comprovação credível. O tratamento para eliminar a H. Pylori é feito com antibióticos por 1 mês. Após este período, é recomendado realizar novos testes para confirmar o sucesso do tratamento. Contudo, nem todos necessitam realizar a erradicação do H. Pylori. Este tipo de tratamento é especialmente indicado em caso de: Câncer de estômago na família; Púrpura; Úlcera gástrica; Anemia ferropriva e Linfoma gástrico. 

Uma dieta adequada é capaz de diminuir os sintomas relacionados à H. Pylori, mas não consegue eliminá-la. Caso não haja a necessidade de eliminação da bactéria, pode-se recorrer a uma dieta com pouco sal, gordura, fritura, álcool e refrigerantes. Tomar o suco de batata constitui um ótimo remédio caseiro para úlcera gástrica, diminuindo o desconforto que ela provoca. (Liberdadenews)
Compartilhar no Google Plus

Por: Fala Recôncavo!

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

O PORTAL FALA RECÔNCAVO NÃO SE RESPONSABILIZA POR OPINIÕES EMITIDAS POR TERCEIROS NESTE ESPAÇO, MAS INFORMA QUE COMENTÁRIOS OFENSIVOS QUE EXPONHA PESSOAS,ENTIDADES OU EMPRESAS SERÃO EXCLUÍDOS

* OS COMENTÁRIOS NÃO REFLETEM A OPINIÃO DESTE BLOG,OS MESMOS DEVERÃO SER IDENTIFICADOS PARA SEREM ACEITOS, SEJA QUAL FOR O SEU TEOR.