Tremor em cidades do pode ter sido causado por quebra da barreira de som, diz Centro.

Imagem aérea Conceição do Almeida. Foto: Domingos Santos.
O Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP) divulgou nota esclarecendo que os tremores e explosões ouvidos e sentidos por moradores de Salvador, Ilha de Itaparica e várias cidades do interior do estado, como Santo Antônio de Jesus, São Felipe e Conceição do Almeida, no início da manhã de domingo, não foi um abalo sísmico. 

De acordo com a nota, postada no site do Centro, “caso as vibrações tivessem sido causadas por um tremor de terra, o tamanho da área de percepção teria um raio de 20 km, e indicaria uma magnitude de pelo menos 3 na escala Richter”, o que não aconteceu, pois nenhuma das estações da Rede Sismográfica Brasileira registrou qualquer sinal que pudesse ser associado a um abalo sísmico na capital baiana e áreas próximas, haja vista a distância entre as cidades.

Ainda de acordo com o Centro de Sismologia paulista, os tremores e trepidações ainda não têm uma causa conhecida, mas a principal linha de investigação é a quebra de barreira do som por jatos da Força Aérea nacional. O assunto tomou conta das redes sociais no domingo, 26 de março.
Compartilhar no Google Plus

Por: Fala Recôncavo!

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

O PORTAL FALA RECÔNCAVO NÃO SE RESPONSABILIZA POR OPINIÕES EMITIDAS POR TERCEIROS NESTE ESPAÇO, MAS INFORMA QUE COMENTÁRIOS OFENSIVOS QUE EXPONHA PESSOAS,ENTIDADES OU EMPRESAS SERÃO EXCLUÍDOS

* OS COMENTÁRIOS NÃO REFLETEM A OPINIÃO DESTE BLOG,OS MESMOS DEVERÃO SER IDENTIFICADOS PARA SEREM ACEITOS, SEJA QUAL FOR O SEU TEOR.