Especialista orienta como tratar virose 'Abaixa que é tiro' contraída no Carnaval.


Devido as aglomerações de pessoas, o carnaval é um ambiente propício para o aparecimento de casos de gripe e viroses. Aliados a aglomerações, a má alimentação, exposição excessiva ao sol e pouco descanso, são fatores que contribuem para o acometimento de doenças no período pós-folia. 

Nessa época, é comum o aparecimento de quadros que têm como formas de transmissão o contato físico, a tosse ou espirro. Por isso, é importante estar com o sistema imunológico fortalecido para prevenção de doenças infecciosas transmitidas por via respiratória. Os sintomas das viroses começam a aparecer cerca de cinco dias após a infecção. Entre eles está a febre, congestão nasal, moleza aliada à mialgia (dores pelo corpo) e dor de cabeça. No caso de resfriado, o quadro de febre, quando aparece, é baixo. 

Normalmente, os sintomas desaparecem em poucos dias, mas especialistas advertem sobre a necessidade de hidratação, repouso e boa alimentação. Caso apareçam os sintomas, o paciente deve procurar o serviço de saúde mais próximo para orientações e cuidados.
Compartilhar no Google Plus

Por: Fala Recôncavo!

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

O PORTAL FALA RECÔNCAVO NÃO SE RESPONSABILIZA POR OPINIÕES EMITIDAS POR TERCEIROS NESTE ESPAÇO, MAS INFORMA QUE COMENTÁRIOS OFENSIVOS QUE EXPONHA PESSOAS,ENTIDADES OU EMPRESAS SERÃO EXCLUÍDOS

* OS COMENTÁRIOS NÃO REFLETEM A OPINIÃO DESTE BLOG,OS MESMOS DEVERÃO SER IDENTIFICADOS PARA SEREM ACEITOS, SEJA QUAL FOR O SEU TEOR.