São Felipe dispara em números de casos ativos da Covid-19 e se torna epicentro da pandemia no Recôncavo da Bahia.

Foto reprodução

Localizada a cerca de 180 quilômetros de Salvador, a pacata São Felipe se tornou epicentro da Covid-19 no Recôncavo da Bahia. Só nos últimos dias, mais de 200 dos pouco mais de 21 mil habitantes testaram positivo para Covid-19. O alto número de moradores infectados ao mesmo tempo levou o município a ocupar o posto de cidade com mais casos ativos da doença na região. Já no âmbito estadual, São Felipe está entre as dez cidades com maior quantidade de diagnósticos, segundo dados da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

A disparada no número de moradores infectados iniciou no mês passado. No dia 11de junho, São Felipe estampava em seu boletim epidemiológico 24 casos ativos da doença. No dia 21, o número saltou para 94, ou seja, um acréscimo de 70 casos em apenas dez dias. Já no último dia 4, a cidade registrava 222 diagnósticos, atingindo a taxa mais alta desde o início da pandemia. 

O boletim divulgado pela prefeitura, nesta terça-feira (6), mostra que a quantidade de doentes caiu para 152, no entanto, o dado pode mudar a qualquer momento já que 131 moradores ainda aguardam o resultado do teste que detecta a presença do vírus. Atualmente, 16 moradores de São Felipe estão internados após apresentarem complicações ocasionadas pela doença.

De acordo com a prefeitura, ao todo 2.708 casos do novo coronavírus foram registrados na cidade desde o início da pandemia. Destes, 2.533 se curaram e 23 morreram em decorrência da doença. O último óbito foi confirmado no dia 29 de junho. 

Conceição do Almeida, que faz divisa com São Felipe, possui atualmente 54 casos ativos, quase 100 a menos do que a vizinha. Já Santo Antônio de Jesus, que tem mais do que o triplo de moradores, possui também um número menor: 109. O mesmo acontece com Cruz das Almas e Sapeaçu, ambas situadas próximas a São Felipe, que registraram até está terça 110 e 98 casos ativos, respectivamente.

O cenário atual da pandemia em São Felipe também é mais agravante do que em municípios como Muritiba (85 casos ativos), Cachoeira (35), Castro Alves (22), Santo Amaro (23) e Nazaré (17), também localizados no recôncavo baiano. (Bocão News)

Compartilhar no Google Plus

Por: Fala Recôncavo!

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

O PORTAL FALA RECÔNCAVO NÃO SE RESPONSABILIZA POR OPINIÕES EMITIDAS POR TERCEIROS NESTE ESPAÇO, MAS INFORMA QUE COMENTÁRIOS OFENSIVOS QUE EXPONHA PESSOAS,ENTIDADES OU EMPRESAS SERÃO EXCLUÍDOS

* OS COMENTÁRIOS NÃO REFLETEM A OPINIÃO DESTE BLOG,OS MESMOS DEVERÃO SER IDENTIFICADOS PARA SEREM ACEITOS, SEJA QUAL FOR O SEU TEOR.